Como desenvolver a santidade

AddThis Social Bookmark Button

caminho farolSonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me, e conhece as minhas inquietações. Vê se em minha conduta algo te ofende, e dirige-me pelo caminho eterno. (Salmo 139:23,24)

Uma verdade bíblica, que nem sempre estamos acostumados, é a de que todo salvo por Jesus é um santo. E sua santidade não pode aumentar ou diminuir, pois a condição de santo está ligada à sua salvação. No entanto, o que Deus requer de nós, não é a busca para aumentar a santidade, mas que cumpramos o papel de já sermos santos.

Uma das exigências que a santidade trás é a consagração diária. Deus não o obriga a se consagrar, Ele o convida. É sua parte. Uma vez salvo, há o convite, consagre-se.

Brevemente, podemos notar alguns aspectos da consagração.

  • O primeiro é uma decisão pessoal, pois se trata de um convite. Observe a pessoalidade na síncope apresentada, onde Davi demonstra voluntariedade.
  • Segundo, é uma decisão de ser avaliado. Observe o desejo do salmista em pedir para Deus avaliá-lo, sondá-lo.
  • Terceiro, é uma decisão de entrega. Observe a disposição do autor ao receber a avaliação de deixar tudo que está errado e buscar conserto.

Quando voce tomar a decisão de se consagrar, saiba que deverá entregar tudo ao Senhor. Ele fará uma avaliação de sua vida e indicará o que deve mudar. Tome esta decisão, não resista a avaliação do Senhor, pois quando Deus, por meio de sua Palavra, indica o caminho mau, Ele também proporciona uma saída. Um caminho novo. Não fique estagnado em sua vida. Consagre-se ao Senhor e obterá mudanças.

 

Pr. Paulo Henrique Tavares